Made in Japan Restaurantes Japoneses Hashitag Henshin Mangás JBC AkibaSpace BMA

Apenas diga meu nome: Shazam!

em 03 de abril de 2019Assistimos ao filme Shazam! venha saber o que achamos dessa nova produção da DC para os cinemas

Shazam! vem chegando aos cinemas com seu gingado adolescente e sua completa falta de responsabilidade como herói, pronto para te divertir e emocionar durante a busca de Billy Batson e seu tropeço com o legado do nome Shazam!.

O roteiro assinado por Henry Gayden e Darren Lemke nos leva para as épocas natalinas e o surgimento de uma lenda, o incrível herói Shazam. Contando com a direção de David F. Sandberg, conhecido por trabalhar em filmes como ‘Annabelle 2’ e ‘Quando as Luzes se apagam’, o lado sombrio causa um bom equilíbrio com as cores que rodeiam a história de um modo mais geral.

Você começa conhecendo o passado do vilão Dr. Thaddeus Sivana (Mark Strong) e seus problemas familiares, que incluem um momento marcante que jamais deixou ele descansar novamente. Um bom tempo de tela é gasto para a construção da jornada de Sivana até seu ponto máximo, o que pode ser visto até como cansativo.

Entrando no mundo do jovem Billy Batson (Asher Angel) com suas próprias cruzadas e sem tempo de se encantar com a história dos heróis que vem conquistando os mares e a terra, como Batman, Super-Homem, Aquaman e companhia, somos apresentados também para seu passado e sua eterna busca por respostas. Os planos mudam quando ele em tem um encontro com um estranho velhinho que lhe passa super poderes, tornando ele um adulto de fantasia engraçada, o poderoso Shazam (Zachary Levi).

Diferente do seu amigo e atual “irmão” Freddy Freeman (Jack Dylan Grazer), que entende tudo sobre os heróis, Billy quer usar seus poderes para ter uma vida nova e de brinde, conquistar sua independência. A narrativa entra em um ponto novamente cansativo quando atinge este momento de “consciência”, já que a mente de adolescente de Billy não compreende que existe uma missão a ser cumprida e um vilão real para ser enfrentado.

Quando a ação real acontece você já passou um certo tempo mergulhado nos dilemas adolescentes dos personagens, indo desde os momentos engraçados, até os mais educativos. Deixando pouco tempo para a exploração do que pode vir a ser um futuro para o personagem.

No geral é uma experiência que diverte e distrai, uma ótima indicação para o fim de semana em família e que não precisa necessariamente ser apreciada em 3D. Shazam! tem uma cena pós-crédito intrigante e que mostra que nem tudo pode ser paz, alegria e refrigerantes no futuro do herói.

Confira abaixo o trailer do filme e se divirta nos cinemas.

Heila Lima

Jornalista, fã de Star Wars, Harry Potter e infinitas séries de TV. Musicista e jogadora de games aleatórios nas horas vagas.

Assine a nossa newsletter e receba as dicas e novidades do universo geek. A inscrição é gratuita!


Notícias Relacionadas

Mangás JBC